Close

Princípios do Inbound Marketing

Este conteúdo faz parte de uma trilha básica de aprendizagem criada para facilitar a sua compreensão sobre os conceitos básicos das estratégias de Inbound Marketing.

Você poderá acessar diretamente a uma parte do conteúdo através dos links:

A palavra Inbound Marketing se popularizou em 2009, quando foi lançado o livro “Inbound Marketing: seja encontrado usando o Google, a mídia social e os blogs”, dos autores: Brian Halligan e Dharmesh Shah.

O inbound marketing, em uma tradução livre, pode ser chamado de “marketing de entrada”, mas também é muito conhecido como “marketing de atração”.

Existem inúmeras explicações sobre o que é Inbound Marketing. Por este motivo, criei a descrição que mais se encaixa dentro do que eu acredito ser a estratégia na prática:

O Inbound Marketing é um conjunto de estratégias baseadas em conquistar o interesse das pessoas através da produção e disseminação de conteúdos relevantes, explorando canais como mecanismos de busca, blogs e redes sociais para potencializar sua marca como autoridade em um determinado assunto e ser encontrada por seu potenciais clientes em diferentes momentos dentro da sua jornada de compra.

Vamos por partes!

O Inbound Marketing é um conjunto de estratégias baseadas em conquistar o interesse das pessoas…

Isso porque ele é direcionado a consumidores que estão, quase sempre, interessados em um assunto próximo ou exatamente igual à solução da sua empresa.

Através da produção e disseminação de conteúdos relevantes…

A forma mais eficaz e barata para ser visto é através da internet. Lugar onde as pessoas mais procuram por “qual”, “onde”, “quando” e “como” eu devo fazer determinada tarefa. Por isso é tão necessário criar conteúdos relevantes, ou seja, que ajudem os usuários exatamente da forma com que ele espera e naquele determinado momento.

Explorando canais como mecanismos de busca, blogs e redes sociais para potencializar sua marca como autoridade em um determinado assunto…

O Google e as redes sociais são as ferramentas de maior impacto quando pensamos em disseminar uma marca. Então se torna imprescindível utilizá-las para este fim.

Ser encontrada por seu potenciais clientes em diferentes momentos dentro da sua jornada de compra…

Se o seu negócio é vender cursos de marketing, você pode escrever sobre “como aprender marketing digital” e atingir um público ainda imaturo, ou seja, no início da sua jornada de compra. Enquanto que, se você optar por escrever sobre “os melhores cursos de marketing digital”, então estará criando um conteúdo para consumidores em um estágio muito mais maduro e avançado dentro desta mesma jornada.

E isso é ser encontrado por potenciais clientes em momentos diferentes.

O Outbound Marketing pode ser definido como a estratégia tradicional de marketing, em que a empresa busca de forma ativa seu clientes.

Comerciais de TV, rádio, telemarketing, flyers e links patrocinados são consideradas algumas ações de Outbound Marketing, por exemplo.

O Outbound Marketing, baseia-se em 3 pilares básicos: Informar, Persuadir e Relembrar.

Nessa estratégia, a comunicação é feita de apenas pela empresa, sem a permissão do consumidor e, geralmente, só se mantém ativa enquanto houver grandes investimentos.

Atualmente, o controle passou das mãos das empresas para a dos consumidores, dando às pessoas o poder de escolha não só na hora da compra, mas também sobre quais mensagens deseja receber ou não. Essa mudança recente e impactante no comportamento do consumidor, provocou um grande declínio na utilização exclusiva das estratégias de Outbound e seus resultados.

Para exemplificar a problemática:

    • 200 milhões de pessoas que moram nos EUA registraram seus telefones em um aplicativo conhecido como “Do not Call” para não receberem contato de empresas de telemarketing.
    • 85% das pessoas mudam de canal na sua TV enquanto os comerciais são exibidos na tela.
  • 84% dos jovens entre 25 e 35 anos tendem a sair de um site com um grande número de banners.

O Inbound Marketing, por sua vez, está apoiado em 3 pilares muito diferentes:  Demonstrar, Envolver e Empoderar.

A principal diferença entre o Outbound e o Inbound é que, no segundo, o cliente é quem encontra a empresa.

Com essa mudança no comportamento dos clientes, as empresas que investem mais de 50% do seu orçamento no Inbound Marketing para gerar novos clientes, têm uma diminuição significativa do custo por lead.

Para pequenas e médias empresas, esse tipo de ação custa 31% menos que anúncios pagos na internet, uma das principais estratégias de Outbound.

Empresas que trabalham com nutrição de leads, ou seja, que entregam novos valores em cada momento dentro da jornada do cliente, geram 50% mais leads prontas para vendas, a um custo 33% menor.

Independente das diferenças, não cometa o erro de acreditar que o Inbound simplesmente substituiu o Outbound. Muitas empresas, infelizmente, não conseguem enxergar os inúmeros benefícios e como essas estratégias podem co-existir.

Próximo Passo

O próximo conteúdo busca explicar de forma simples como funciona a metodologia do Inbound Marketing. Neste conteúdo você vai conhecer o Mapa da Jornada do Cliente e o Processo do Inbound Marketing 🙂

Vamos lá?! 2. Metodologia do Inbound Marketing

Especialista em Marketing Digital e idealizador do projeto Autodidata Digital com foco na democratização do conhecimento compilado e organizado para ajudar profissionais de marketing autodidatas, como eu.

Related Posts